AMA MOTOCROSS 2015 – SPRING CREEK – 450CC

Primeira Bateria

Segunda Bateria

Fala piloto! Tudo bem com você?

Final de semana passado aconteceu à oitava etapa do AMA Motocross, em Spring Creek!

Nossa nota para categoria 450 cilindradas foi 8,0. As baterias não foram tão emocionantes quanto a etapa de RedBud, mas tiveram seus pontos positivos. Boas disputas pela liderança e um novo rosto no pódio. As baterias completas estão disponíveis nos vídeos acima, se o tempo estiver curto, sugiro dar prioridade à segunda bateria.

A pista de Spring Creek estava  bem pesada durante as primeiras baterias, diversos pilotos acabaram se atrapalhando e caindo. A pista é muito bem desenhada, no maior estilo Motocross americano. Ela já foi palco de lindas batalhas e acidentes espetaculares, como o acidente de Chad Reed em 2011, mas nesse final de semana  as disputas não foram tão intensas.

Queda de Chad Reed em 2011

Ryan Dungey (5) e Justin Barcia (51)

Ryan Dungey (5) e Justin Barcia (51)

Como não podia ser diferente, Ryan Dungey levou a etapa sem maiores dificuldades, venceu as duas baterias. O único piloto que conseguiu dificultar um pouco seu caminho até a vitória foi Justin Barcia. Com mais essa vitória Dungey continua sendo o favorito ao título.

Justin Barcia

Justin Barcia

Em segundo lugar ficou Justin Barcia! Mesmo na “casa” de Dungey, conseguiu imprimir um ritmo bom e trazer alguma dificuldade. Barcia conseguiu dois ótimos segundos lugares e está com muita vontade de conquistar novas vitórias no campeonato. Pelos últimos resultados apresentados Barcia tem boas chances de vencer outras etapas.

Blake Baggett

Blake Baggett

Roczen garantiu …. não, Roczen não garantiu o terceiro lugar, e teve um final de semana bem mediano, parece que está acontecendo algo estranho com o piloto. Em minha opinião é algo físico, diversos pilotos estavam mandando o triplo da pista, mas Roczen optou por não tentar, esse foi um dos fatores que fez com que Blake Baggett conseguisse seu primeiro pódio no AMA Motocross na categoria 450cc! Muito merecido, diga-se de passagem, o piloto andou muito! Terminou as duas provas respectivamente em quarto e terceiro lugar. O Rookie que vem melhorando a cada etapa, vamos continuar acompanhando sua evolução!

Resultados

1. Ryan Dungey | 1-1
2. Justin Barcia | 2-2
3. Blake Baggett | 4-3
4. Ken Roczen | 3-4
5. Jason Anderson |6-6
6. Broc Tickle | 5-7
7. Fredrik Noren | 8-5
8. Christophe Pourcel | 9-8
9. Phil Nicoletti | 7-10
10. Josh Grant | 10-9
11. Kyle Chisholm | 11-11
12. Jesse Wentland | 12-12
13. Jason Brooks | 14-14
14. Andrew Short | 16-15
15. Kyle Cunningham | 13-18
16. Gannon Audette | 20-13
17. Noah Mcconahy | 19-17
18. Ben LaMay | 15-38
19. John Short | 25-16
20. Heath Harrion | 17-20

Podio

Classificação geral

1. Ryan Dungey 353 points | 7 vitórias
2. Ken Roczen 297 points | 2 vitórias
3. Justin Barcia 284 points | 2 vitórias
4. Blake Baggett 250 points
5. Jason Anderson 227 points
6. Broc Tickle 220 points
7. Christophe Pourcel 211 points
8. Phil Nicoletti 176 points
9. Weston Peick 171 points
10. Fredrik Noren 161 points

O campeonato está nas mãos de Dungey, agora é só administrar a vantagem com inteligência, e isso é especialidade do piloto. Já a segunda colocação pode haver  mudança,  Barcia está com muita sede, se mostrando preparado para brigar por vitórias e Roczen em um período estranho, se observarem as entrevistas do piloto fica fácil perceber sua insatisfação e desconforto com o andamento das provas.

Esperamos que tenha gostado! Curta, compartilhe e comente, seu apoio é muito importante para nós!

Comentários

Comentáros

Leave a Reply