AMA SUPERCROSS 2016 – LAS VEGAS – RD17 – 450CC

Largada Las Vegas 450
Fala piloto! Sábado ocorreu a última etapa do AMA Supercross, categoria 450cc, etapa de Las Vegas!

Que última etapa! O Resultado poderia ter sido diferente se as condições da pista estivessem melhores, mas foi bem interessante ver os pilotos andando em uma pista extremamente traiçoeira! Nossa nota para a etapa, categoria 450cc, é 8,5. Assista a bateria principal logo abaixo, vale a pena conferir!

No mínimo uma etapa engraçada, não acha? Impressionante como os americanos são organizados na organização de uma etapa. Quem diria que teria como os pilotos correrem depois da pista alagar em um nível fora do comum (imagem abaixo)?

Situacao Pista

Sem dúvida, se fosse aqui no Brasil, a prova tinha sido adiada. O preparo que essa equipe tem na organização de se aplaudir.

Então vamos para os vencedores!

Ryan Dungey

Dungey, já com o título do campeonato nas mãos consegue mais uma linda vitória! Mesmo largando na ponta, a vitória não foi nada fácil para o piloto, Roczen o pressionou muito durante a prova e chegou a ultrapassa-lo, mas acabou errando e caiu logo após a ultrapassagem. Dungey acabou trombando na moto de Roczen e também caiu, mas logo se levantou e seguiu na primeira colocação até cruzar a linha de chegada, fechando seu ano com chave de ouro! Esse ano Dungey conseguiu 9 vitórias e termina o ano com uma confortável vantagem de 60 pontos!
Além da vitoria, o piloto também fez a volta mais rápida da prova 1:15.179 e ganhou o prêmio HoleShot.
Jason Anderson

Jason Anderson consegue mais um bom resultado! O piloto largou na segunda colocação e logo no começo da prova foi ultrapassado por Roczen, mas acabou aproveitando do abandono de Roczen, para retomar a posição e até conseguiu realizar pequena pressão em Dungey, mas sem grande perigo para o campeão. Jason tem uma boa pilotagem e é bem agressivo, a vontade de vencer está estampada, mas não está nada fácil enfrentar os veteranos. Vamos ver como o piloto se sai no AMA Motocross. Anderson fica em terceiro lugar na classificação geral e garante o Bronze no AMA Supercross.

Eli Tomac

Eli Tomac vem evoluindo pouco a pouco no Supercross, mas obteve alguns resultados ruins, que deixaram o piloto em 4 lugar na classificação geral do campeonato. Na bateria principal dessa etapa ele largou em sétimo e veio ultrapassando seus adversários mesmo em condições muito difíceis, conseguindo ao final a terceira colocação. A especialidade do piloto é o motocross, então, mal podemos esperar para vê-lo em ação no dia 21/05, quando começa o AMA Motocross .

Resultado

1. Ryan Dungey
2. Jason Anderson
3. Eli Tomac
4. Chad Reed
5. Blake Baggett
6. Broc Tickle
7. Justin Brayton
8. Trey Canard
9. Cole Seely
10. Justin Barcia
11. Josh Grant
12. Jake Weimer
13. Mike Alessi
14. Vince Friese
15. Justin Bogle
16. Nick Schmidt
17. Bracken Hall
18. Nick Wey
19. Benny Bloss
20. Ken Roczen
21. Marvin Musquin
22. Davi Millsaps

PODIO

|Pódio da classificação final: Roczen à direita, Dungey ao Centro e Anderson à esquerda|

Classificação Geral

1. Ryan Dungey – 391pts| 9 vitórias
2. Ken Roczen – 331pts| 5 vitórias
3. Jason Anderson – 315pts| 2 vitória
4. Eli Tomac – 290pts| 1vitória
5. Chad Reed – 250pts
6. Cole Seely – 219pts
7. Marvin Musquin – 214pts
8. Justin Brayton – 200pts
9. Trey Canard – 196pts
10. Jake Weimer – 128pts

O campeonato não foi tão emocionante como esperado devido a grande superioridade de Dungey, mas Roczen conseguiu pressionar o campeão conseguindo 5 vitórias, com isso o campeonato ganhou uma pitada a mais de emoção. De qualquer forma o AMA Motocross promete maiores emoções!

Espero que tenha gostado!

Curta, compartilhe e comente! Sua ajuda e muito importante para nós!

 Grande abraço!

Comentários

Comentáros

Leave a Reply